Confira a lista de todos os documentos para financiar um imóvel

  • 20 de janeiro de 2022
  • Equipe Riva
  • 5 minutos de leitura
Confira a lista de todos os documentos para financiar um imóvel Riva Incorporadora

Os documentos para financiar um imóvel devem estar em ordem para não atrasar o processo. Portanto, confira a lista completa e agilize a sua conquista!

Reunir os documentos para financiar um imóvel pode ser a etapa mais trabalhosa para algumas pessoas. Acontece que essa documentação é uma garantia legal para a instituição financeira e, por isso, é tão importante cumprir todo o processo.

Sem tempo para ler? Clique no play para ouvir.

Quanto mais organizada estiver a papelada, mais rápido e positivo pode ser o resultado do seu financiamento. Portanto, comece agora mesmo a reunir seus documentos e se preparar para financiar um imóvel. Confira quais são eles!

Documentos do comprador

Se você está pretendendo comprar um apartamento ou uma casa, comece por separar os documentos para o financiamento imobiliário.

Lembre-se de um detalhe importante: caso seja casado ou tenha união estável, seu cônjuge ou companheiro(a) também precisa dos principais documentos pessoais. Veja a lista:

  • Documento de identidade — que pode ser o RG, a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou documentos de entidades de classe (como OAB, CREA ou CRM);
  • CPF — comprovante do Cadastro de Pessoa Física, que pode ser obtido no site da Receita Federal;
  • Comprovante de estado civil — para quem é solteiro, certidão de nascimento. Já os casados têm que apresentar a certidão de casamento; e quem tem união estável, a declaração pública;
  • Comprovante de endereço — é válido apresentar uma conta de água, luz, telefone ou correspondência oficial recente e em seu nome;
  • Certidão conjunta de débitos referentes aos tributos federais — é a comprovação de que não existem dívidas federais em seu nome e pode ser obtida diretamente no site da Receita Federal;
  • Declaração de Imposto de Renda — caso não seja isento, você precisa apresentar a declaração completa do Imposto de Renda do último período, com a folha de rosto e o recibo de entrega;
  • Extrato do FGTS — se quiser usar seu FGTS como parte do pagamento, é preciso levar o extrato original, carimbado e atualizado do FGTS, que pode ser obtido em uma agência da Caixa Econômica Federal;
  • Carteira de Trabalho — para quem trabalha de carteira assinada, é preciso levar o documento original e cópias da folha de rosto, de classificação, do número do PIS, das páginas dos contratos de trabalho e da folha em branco posterior ao último contrato;
  • Comprovante de renda — serve para comprovar a renda familiar e é usado como base de cálculo para o limite máximo do financiamento, pois as parcelas são de, no máximo, 30% da renda familiar comprovada. São válidos como comprovantes:
  • Holerite, para quem trabalha de carteira assinada;
  • Decore, emitido por contador, para profissionais liberais e autônomos.

E, por último, saiba que quando o objetivo é financiar um imóvel na planta, essa documentação geralmente é solicitada após a entrega das chaves, quando o comprador decide pagar o saldo restante por financiamento bancário.

Documentos do vendedor

O vendedor também tem que apresentar alguns documentos para o financiamento. Caso seja Pessoa Física, precisa levar:

  • Documento de Identidade;
  • CPF;
  • Declaração de profissão;
  • Comprovante de estado civil;
  • Certidão conjunta de débitos relativos aos tributos federais.

Se o imóvel estiver no nome de uma Pessoa Jurídica, os documentos a serem apresentados são:

  • Carta, com firma reconhecida em cartório e assinada pelos representantes;
  • Cópia da Certidão Negativa de Débitos (CND);
  • Cópia do contrato social ou estatuto social consolidado e registrado perante a Junta Comercial;
  • Cópia da Certidão Negativa de Débitos de Tributos e Contribuições Federais (CCN);
  • Ata de eleição da diretoria registrada na Junta Comercial, se a empresa tiver estatuto social no lugar de contrato social.

Documentos do imóvel

Por último, também é preciso reunir alguns documentos do imóvel para o financiamento. São eles:

  • Cópia do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) do ano atual;
  • Certidão negativa do IPTU (para comprovar que não existem débitos de anos anteriores);
  • Cópia da matrícula do imóvel dentro da validade (emitida nos últimos 30 dias).

Dependendo da instituição financeira, a lista de documentos pode sofrer algumas pequenas variações, mas de toda forma os itens listados são os mais comuns a serem solicitados.

Agora, você já sabe a lista de documentos para financiar um imóvel e pode começar a se organizar para dar o pontapé inicial nessa conquista tão importante para a liberdade e a estabilidade financeira!

Que tal começar a escolher o imóvel ideal? Então, confira aqui alguns fatores essenciais para a escolha do seu apartamento!


Post Anterior
Vale a pena investir em imóveis em 2022?
Próximo post
3 tendências do mercado imobiliário 2022

Receba nosso contato para saber mais sobre como podemos te ajudar a encontrar o imóvel ideal.

  • Hidden
    Sobrenome do usuário (Campo oculto, preenchido dinamicamente após envio)
  • Hidden
  • Hidden
  • Hidden
    Site da Web – Website – URL
  • Hidden
  • Hidden
  • Hidden
  • Hidden
  • Hidden
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Fique tranquilo(a), você não estará assumindo nenhum compromisso com a Riva.